Skip to content

 POSTUROTERAPIA   E 

 ERGONOMIA 

Ajustes de posturas 
com técnicas internacionais e soluções ergonômicas – tudo com muita inovação.

Equipe IPF Pilates

 Principais benefícios de posturoterapia: 

Avaliação computadorizada.
Técnicas internacionais.
Tratar dores e disfunções.
 Trabalhar as emoções e disfunções neurovegetativas, arteriais, ganglionares,
neurais, musculares, ósseas, discais e periósteas.
Ajustar a postura e as emoções.Fazer ajustes posturais rápidos , duradouros e seguros.
Fazer Palmilhas Posturais Neuropropioceptivas.

 Principais benefícios da ERGONOMIA: 

Prevenir lesões decorrentes do trabalho na Empresa e Home Office.
Melhorar a eficiência no trabalho e a produtividade.
Promover macro e micro ergonomia, conforto e bem-estar no ambiente de
trabalho.
Documentar ações ergonômicas, exames admissionais, periódicos, demissionais,
evitando ações trabalhistas.
Realizar análises por ferramentas ergonômicas.
Defender a empresa ou o empregado no âmbito judicial, com o acompanhamento
pericial e contra-laudos.






Postura e emoção são vias de mão dupla. A postura corporal nada tem a ver com possuir uma coluna reta, mas com ter um corpo alinhado e livre de dores. A correção da postura além de ajudar na saúde de sua coluna, também melhora a qualidade de vida e transmite uma linguagem corporal de amor e confiança.


Os cuidados com a Micro e Macro Ergonomia podem promover ao trabalhador menos desgaste físico e mental, melhora o rendimento e a produtividade, previne
lesões e gera bem-estar.

  Sessões disponíveis:  

Posturoterapia neurossensorial - PNS
Indicada para pacientes de todas as idades, essa técnica tem como objetivo principal eliminar dores e disfunções por meio de um método rápido e eficaz. Durante a sessão serão verificadas as queixas do paciente e, com a realização de testes posturais, clínicos e palpatórios serão identificados e tratados os distúrbios do movimento, perturbações sistêmicas e realinhamento postural.
Postura e emoção
Técnica que trabalha as emoções, estimulando pontos no corpo que possuem memória celular acumuladas por gerações. Com esse método é possível liberar o corpo de sensações que agem diretamente na postura, resultando em dores e incômodos capazes de atrapalhar o bem-estar do paciente.
Palmilhas neurossensoriais perceptivas
Confeccionadas com material mais leve, higiênico e com variação de densidade, as palmilhas são capazes de estimular e corrigir assimetrias posturais. No IPFP realizamos a avaliação postural para definir a necessidade de intervenção prévia da PNS e, posteriormente, confeccionar as palmilhas aliadas ao tratamento.
Quiropraxia Instrumental - Método François Soulier
Diferente da Quiropraxia tradicional, conhecida pelos estalos ou trashs, a técnica instrumental realiza o linhamento ósseo, libera tensões e reposiciona a postura por meio de uma caneta dourada. O equipamento realiza uma pressão nos locais desejados e realinha as articulações de forma segura e sem contraindicações.
Ergonomia e Fisioterapia do Trabalho
Cuidado cada vez mais necessário em nossa rotina, esse acompanhamento profissional pode ser feito nos lares em função do home office e nas empresas. Nossos profissionais são capacitados para ajustes da Microergonomia que engloba posicionamentos de mobiliários, posturas no posto de trabalho, pausas e micropausas, ginástica laboral, entre outros; assim como o estudo Macroergonômico de um posto ou uma função analisando rendimentos, rotinas, melhorias, medidas protetoras preventivas e mitigatórias, palestras e muito mais.

   DÚVIDAS FREQUENTES:  

Quando você apresentar dores articulares, dores de cabeça, cólicas menstruais, desgastes ósseos, joanetes, esporões, bicos de papagaio, alterações posturais como escoliose, hiperlordose, hipercifose, bursite, dores ou alterações em órgãos como vômitos, dores de estômago, problemas de fígado, rins, intestino, cardíaco, alterações visuais, de equilíbrio entre outros.

Emoções, posturas errôneas ao dormir, ao deitar no sofá, trabalhar, assim como traumas diretos, choques térmicos, compressão vascular e neural.

Postura estética a que vemos como coluna torta e com compensações, enquanto a postura clínica é que apresenta alterações de sistema vegetativo, ou seja, há alterações em órgão ou em algum sistema corporal. No IPFP consideramos as duas posturas, mas a postura clínica da Posturologia é a mais importante e mais grave, é quando sabemos que o paciente não está bem de saúde, pois ele tem algum incomodo ou dor.
A PNS é uma técnica completa que trabalha por Hierarquia, ou seja, qual tecido tem domínio sobre outro, em um exemplo simples e didático: a emoção domina as artérias que manda nos nervos, que conseguinte manda no sistema Neurovegetativo, que manda informação para os músculos, que faz os ossos se moverem. Então concorda que não tem lógica trabalhar músculo se você tem uma alteração arterial por exemplo? A PNS é especial porque ela trabalha na ordem correta, estimulando o corpo a correção, sem contar que os resultados são rápidos, duradouros e auxiliam imensamente na reabilitação, pois após cada sessão o corpo estará mais equilibrado. A PNS é queridinha, pois melhora os casos clínicos na maioria das vezes de forma muito rápida e já após a primeira sessão.
O tratamento consiste em 3 (três sessões), podendo se estender por mais algumas sessões ou ser complementada com outras técnicas como a Postura e Emoção, Liberação de Fáscia, Microfisioterapia ou outras.
Quando realizamos técnicas posturais como a PNS e os sintomas melhoram, mas após algum tempo as queixas retornam, então a técnica de Postura e Emoção com esperança de modificar esse quadro.
Sim, tem múltiplas indicações e resultados esperançosos em casos de dores e problemas posturais.
Pode, mas o ideal seria ajustarmos sua postura primeiro, isso porque uma postura muito alterada ao fazer os testes dos elementos das palmilhas podem sentir tonturas, náuseas, enjoos, dor de cabeça e até vomitar na hora da avaliação. Então há pacientes que precisam de um ajuste com PNS – Posturoterapia Neurossensorial para conseguirmos fazer uma palmilha.
Nossas palmilhas são fininhas e tem maior durabilidade, pois confeccionadas com material importado, não dão chulé, e podem ser usadas em vários sapatos, além de estimular o pé a trabalhar na postura correta, ao contrario de outras palmilhas que compensam os movimentos e são mais grossas do que o recomendado cientificamente.

As reavaliações devem ser realizadas a cada 3 ou quatro meses, o eu não significa ter que trocar de palmilha.

Não, se sua postura se estabilizar após o tratamento, caso contrário ela deverá ser mantida.
Corrige não só a pisada, mas também as alterações biomecânicas que o corpo fez para compensar dores e disfunções de órgãos, melhorando todo o funcionamento do sistema corporal.
Em média são poucas, mas devem ser realizar até o ajuste postural completo e resolução da dor.
Pode ser que sim, ou que você precise de mais de uma técnica, pois quando o paciente vem até o IPFP já está com as estruturas bastante machucadas ou compensadas. Lembre-se que as técnicas são complementares agindo em âmbitos diferentes no corpo completando o tratamento.
Atendemos Pessoa Física e Pessoa Júridica, fornecendo Laudo e contra-laudo para processo trabalhista; acompanhamento pericial in loco; montagem de quesitos para processo de acordo com laudo; programa de ginástica laboral de acordo com função e gasto energético; análise ergonômica do trabalho pra documentações; análise de micro e macroergonomia e ergonomia cognitiva para aumento de desempenho e diminuição de riscos ergonômicos; intervenções ergonômicas e treinamentos. Também contamos com serviço de exame admissional, periódico e demissional para empresas.
Evitar o afastamento de funcionários por conta de lesões e danos físicos; diminuir a quantidade de indenizações por conta de lesões permanentes relacionadas a atividade de trabalho; significativa melhora no rendimento dos funcionários por conta do conforto; entre outros benefícios.
A dor é o principal indício de que algo está errado com nossa postura, pois quando adotamos a postura correta, não a sentimos. Por isso, é recomendado que os procedimentos e avaliações sejam adotados antes que a dor chegue.

A partir de 20 funcionários a empresa necessitar ter Ginástica Laboral.

O assistente irá analisar os testes realizados e dados colhidos e pode contestar e apresentar contra laudo e até pedir a destituição do perito se apresentar provas plausíveis para isso, além de fazer os quesitos do processo, assistindo a empresa ou o trabalhador.
Open chat